3 de maio de 2015

Jogar tudo fora é a melhor solução?

Olá leitores, como vão vocês?

Hoje é dia de texto motivacional, e esse é mais especial ainda!
Esses dias, após escrever esse texto, estava entrando em alguns blogs e de repente acessei o Dropando Ideias, blog da Letícia Pacheco, que conheço à algumas semanas. E o último post dela era, por coincidência, um "desabafo" bem parecido com esse...

Imagem: Google
"Esta é ainda uma questão em discussão, e sempre deverá ser assim.                                             
Às vezes nós sentimos cansaço. Vivemos tanto na rotina, que uma hora tudo parece ter virado monótono. Ir e vir é sempre um mesmo trajeto, e é nesse momento que vem a pergunta “Jogar tudo fora é a melhor solução?”

A princípio, tudo parece estar sem sentido.

E tudo pode ficar pior, (acredite você ou não).

Quando demonstramos importância para a tristeza, ela permanece e cada vez mais vem nos assolar. Mas quando provamos para as dificuldades que nós temos gigantescos motivos para não jogar tudo fora, a tristeza é a primeira a se despedir.

Problemas todos temos! As dificuldades estão aí, pra quem quiser enfrentar. Mas será que, por causa de um ápice, compense largar pra trás tudo que você trouxe e conquistou até aqui?!

Quando algo ainda te faz mal – ou seja, quando algo que passou afeta seu presente, você deve decidir entre o que é melhor pra você.

Inicialmente, a falta de coragem e o descontentamento influenciarão em decisões importantíssimas. Mas, depois que se impulsa com a força própria, tudo fica, teoricamente, fácil.

Pois na prática, ninguém quer saber como é difícil.

E então, concluo: Se o seu presente está ligado ao seu passado (e isso está te fazendo mal), finge que seu trajeto é uma corda e corte-a, estraçalhe-a, destrua!

Mesmo que no início pareça loucura, no final fará sentido!

Se te faz bem, conserve. Se for ruim, elimine!
Boa sorte e jogue tudo fora (se for preciso)."


Acesse o post da Letícia clicando aqui e aproveita pra conhecer o Dropando Ideias.
Caso queira conversar comigo, me envie um e-mail no diogofrank@yahoo.com ou me procure nas redes sociais que ficam ali logo abaixo da minha foto (canto direito do blog).


Até a próxima!

6 comentários:

  1. Oi Diogo.
    Eu fiquei muito feliz quando você me enviou esse texto lá no facebook, realmente me motivou, me deixou um pouco melhor na minha situação... Espero que mais pessoas se sintam assim também!
    Você escreve bem demais nego <3

    Beijos \ô/
    Let

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lê.
      Quando comecei a escrever, principalmente os motivacionais, queria que essas palavras chegassem até as pessoas e fizessem bem para elas, e que elas pudessem encontrar bons motivos para enfrentar as dificuldades!
      Obrigado e volte sempre para se motivar mais!

      Beijos! <3

      Excluir
  2. Todos os aplausos, Diogo!
    É bom ver alguem tão jovem raciocinando tão bonito assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lia!
      É bom ver pessoas tão talentosas me elogiando, sabia?!

      Beijos e volte sempre!

      Excluir
  3. No momento em que estamos tristes pensamos coisas péssimas, o bom é que tudo passa... Ah, te indiquei pra tag amo/odeio... http://messyg1rl.blogspot.com.br/2015/05/tag-amoodeio.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Ainda bem que tudo vem e que tudo passa!
      Obrigado pela indicação, já já vou responder a TAG!

      Beijo e volte sempre!

      Excluir