26 de janeiro de 2015

RESENHA: AS OUTRAS PESSOAS

Oi pessoal, tudo bem com vocês?

Hoje vim trazer a resenha de um livro que eu comecei a ler na tarde de ontem, e terminei hoje de manhã. Uma história que prende completamente o leitor, daquelas que é praticamente impossível parar de ler. Bora saber um pouco mais?


Quando fui escolher esse livro pra ler, a capa não me chamou atenção. Achei até ela um pouco pobre, depois de ler o livro. O que me chamou atenção mesmo foi o título. Não sei por que, só sei que gosto de títulos meio "misteriosos", e, quando vi esse, fiquei me perguntando "Quem são as tais outras pessoas?" e fui descobrindo rapidamente que era uma trama super bem escrita e descrita pelo Ivan Jaf.

As outras pessoas mergulha nas relações humanas, enfocando alguns momentos da Vida de um jovem e de seu pai, descritos de maneira delicada e ao mesmo tempo ágil por Ivan Jaf. A pulsação é de saudade, lembrança, recordação; tentativa de busca e encontro entre os homens.

O que pude concluir, nas 126 páginas de pura delicadeza e agilidade, foi a importância das Relações Humanas. A vida simples de um homem e de seu filho, que aos poucos construíram o que, no começo, não tinham. O sentimento de pertencer à um povo, à uma classe, fez com que um simples homem e um garoto de dez anos desacreditado, que acabara de perder a mãe. Um livro sensível, ágil e muito profundo. Nos mostra a importância de ajudar "As Outras Pessoas" sem esperar, pedir e/ou querer algo em troca.

Pra quem não gosta de livros tão grandes, mas sem deixar de ser bem escrito e objetivo, essa é a obra ideal para fazer-nos refletir sobre o que atualmente fazemos em prol de quem nos rodeia. Um livro que me encantou muito, pela sua história e pela sua sinceridade. Posso afirmar pra vocês que o País precisa de mais pessoas como os personagens do livro! Com certeza foi uma ótima leitura, pena que durou tão pouco.


Nascido no Rio de Janeiro em 1957, Ivan Jaf abandonou as duas faculdades que cursava — Jornalismo e Filosofia — e foi morar em Londres, onde se apaixonou por uma máquina de escrever numa feira de antiguidades. Comprou a máquina. Foi dessa forma inusitada que teve início sua carreira de escritor.  Logo se tornou roteirista de histórias em quadrinhos de terror e ficção científica. Daí para a literatura infantojuvenil foi um passo. Ivan possui mais de cinquenta livros publicados e vários outros por vir. Alguns deles são protagonizados por vampiros, uma herança de seus tempos de quadrinhos de terror, e trazem temas da história do Brasil. Neste caso os vampiros vêm bem a calhar: por serem imortais, podem vivenciar vários períodos históricos e sobreviver para contar. É o que acontece em O vampiro que descobriu o Brasil. Publicado em 2000 em comemoração aos quinhentos anos do descobrimento do país, é um dos maiores sucessos do autor.  Quando era pequeno, Ivan queria ser detetive particular. Chegou a fazer cursos... por correspondência. Hoje, aproveita esse talento para pesquisar dados e informações para seus livros, roteiros de cinema e de histórias em quadrinhos e para suas peças de teatro.

Esse livro é nota 10! Indico muito! E já estou louco pra saber mais sobre os 50 livros publicados de Ivan Jaf (caraca)!

"Sete e meia. Todas juntas. As outras pessoas. Serão sempre assim, pela minha vida afora. Sempre surpresa, decepção, susto, alegria. Sempre o inesperado. O mistério. As outras pessoas."


Bom gente, espero que vocês tenham gostado do post de hoje! Não deixem de acompanhar o blog, pois vem por aí muitos autorais, e outras coisinhas à mais! haha. Comenta aí embaixo o que achou da resenha! :D

Até! 





5 comentários:

  1. Eai meu querido!

    Olha, realmente "As outras pessoas" é um título instigante, me interessei pela leitura desta obra após ler tua resenha que foi sucinta, madura e conseguiu o que todo blogueiro pretende: Criar no leitor o desejo de ler o livro!

    Parabéns,
    Continue com o blog, será sucesso!

    Beijooooooooo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Obrigado pelo comentário!

      Tenho certeza que você não vai se arrepender se ler esse livro!
      Me tocou muito e isso que eu quis transmitir com a Resenha!

      Obrigado, continue acompanhando! <3
      Beijoooooooooo!

      Excluir
  2. Isso é que é gostar de livros hen
    acabou rapidinho
    Eu achei bem interessante, acho vou ler
    beijos
    Www.facilidadescamyh.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Camyh!
      Quando o livro é bom, é assim mesmo haha.
      Aposto que você não vai se arrepender se ler!
      Obrigado pelo comentário e pela visita, volte sempre!

      Beijão!

      Excluir
  3. Teria como postar o resumo dele por capitulo?

    ResponderExcluir